Facebook Twitter Youtube Instagran
Fotos       |       Vídeos

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
noticia
Rádio Mania FM - Ibatiba ES
Seu Site Na Net

Um helicóptero da Polícia Militar do Espírito Santo sofreu um acidente na tarde desta sexta-feira (10), em Domingos Martins, região Serrana do Estado. A aeronave é a Harpia 05, modelo Helibrás AS-350B2 Esquilo.

O governador do Espírito Santo, Paulo Hartung (MDB), segundo a assessoria de imprensa dele, estava a bordo porque seguia para um festival de cinema na cidade.

Ao pousar em uma fazenda do Incaper, a cauda do helicóptero teria atingido uma trave do campo de futebol durante o procedimento de pouso. O governador, a primeira-dama e os pilotos, ainda de acordo com a assessoria, não tiveram ferimentos e passam bem.

O major Paolo Quintino de Lima, chefe da Seção de Segurança Operacional da Secretaria da Casa Militar, do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (Notaer), informou, na noite desta sexta-feira, que a aeronave decolou da Residência Oficial da Praia da Costa, em Vila Velha, às 16h18, com dois pilotos e dois passageiros, com direção à Fazenda do Estado, que pertence ao Incaper, no limite entre Venda Nova do Imigrante e Domingos Martins.

"Ao se aproximar para pouso e realizar manobra no campo, às 16h45 desta sexta-feira (10), a aeronave se desgovernou, vindo um dos rotores a colidir com o solo. Os pilotos adotaram as providências que o caso requeria, saindo do helicóptero o mais rápido possível, auxiliando os passageiros. Todos os ocupantes conseguiram sair ilesos. O Harpia 05, a princípio, teve perda total", informou a assessoria do Governo do ES.

A equipe do Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa), da área do Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, vai estar neste sábado (11), junto com técnico da Airbus, fabricante do helicóptero, para investigar os fatores que levaram ao acidente.

Após o acidente, outra aeronave do governo foi acionada e seguiu para a região Serrana para dar suporte. Segundo controladores de tráfego aéreo, autoridades aeronáuticas de Brasília já tomaram conhecimento do acidente e pediram mais informações sobre o que ocorreu com o Harpia 05.

A princípio, uma piloto comandava a aeronave. Havia, ainda, um copiloto. Ambos são capitães da Polícia Militar.

Um bombeiro militar que estava no local do acidente informou que não houve vazamento de combustível da aeronave e que não há risco de incêndio ou explosão.

Comentários