Facebook Twitter Youtube Instagran
Fotos       |       Vídeos

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
noticia
Rádio Mania FM - Ibatiba ES
Seu Site Na Net

 

Luisa Mell fez um novo resgate de animais nesta segunda-feira (7). A ativista disse que foi chamada por uma investigadora da polícia para libertar 50 gatos e 13 cachorros que viviam em péssimas condições de higiene e saúde.

Nas redes sociais, Luisa fez vídeos para mostrar a situação da casa de uma senhora onde os animais estavam. Na tentativa de ajudar os bichos abandonados, a idosa, que tem transtornos, acabou perdendo o controle por não ter estrutura para cuidar dos cães e gatos.

Luisa afirmou que por conta da falta de alimentação, alguns gatos chegaram a comer os filhotes que estavam na casa. Além disso, na última semana 90 gatos morreram no local. A ativista reforçou a gravidade do caso.

— As pessoas precisam entender que isso não é ajudar, não é proteção animal. E ela não faz por mal, porque é uma doença, ela está sendo tratada. Mas os animais não têm culpa de que a pessoa é doente. É pior pra eles estar lá do que na rua, porque na rua eles têm alguma chance. Eles estavam presos em um ambiente totalmente contaminado, sem comida, sem água limpa, sem medicação. Por isso que eu não resgato todo mundo, senão ia acontecer isso, não tem como. 

Os animais foram levados para o Instituto Luisa Mell onde vão passar por uma bateria de exames para avaliar as condições de saúde, mas a ativista adiantou que muitos deles têm problema respiratórios e estão desidratados.

No último fim de semana, Luisa fez uma feira de adoção em São Paulo e conseguiu liberar espaço no instituto para ajudar outros bichinhos. 

Comentários